It is time for say goodbye.

Vai parecer estranho o que vou escrever, sem lógica, e fundamento. Estou a escrever isto para que uma pessoa entenda, o que sinto. Sentimento que não gosto de sentir, que odeio sentir, sentimento que não consigo evitar, sentimento que já nem consigo admitir por me sentir tão estúpida por continuar a amar alguém que nem se quer se lembra que existimos. Dói, dói muito, amar e não ser correspondida, mais que isso, amar alguém que não se importa, que não valoriza o sentimento. Dói ver como essa pessoa esqueceu assim, e eu continuo na mesma, ver como ele me deixou para trás, ver como ele não cumpriu nem um terço daquilo que prometeu. Dói ser gozada pela pessoa que amamos. Dói apenas ser tratada como, aquela que anda atrás. Servir de uma das parvas que está caidinha por ele. Custa gostar de alguém tão insensível. Não o condeno por não gostar de mim, só pedia respeito, acho que o mereço.
Todos os dias ouço pessoas que me querem bem, dizer para eu seguir, que sou linda, todos os dias eu tento. Mas alguma coisa que não me deixa seguir, algo tão forte, mais forte que eu. Gostava que um dia ele pode-se ler isto, do inicio ao fim, mas duvido que o faça. Testamentos, não era com ele, muito menos quando não lhe mostravam interesse, que pelos vistos é algo que eu para ele já deixei de ter à muito tempo.
Posso estar a rebaixar-me ao escrever este texto. Vocês vão encara-lo como mais um dos textos em que falo deste rapaz, mas eu estou a encara-lo como uma despedida. De textos em relação a ele, e não só. Ao meu sentimento também, essa tal coisa que é mais forte que eu.
Por muita saudade que tenha, por muita vontade que tenha de gritar, de chorar, de lhe dizer tudo o que sinto, não o vou fazer. Não vou mesmo voltar a fazê-lo. Sei que disse o mesmo inúmeras vezes, e nunca cumpri. Mas desta vez, mesmo que não consiga, eu vou sorrir, e dizer que consegui. Sei que um dia vai passar, sei que um dia vou encontrar alguém que me desperte tanto interesse como ele, sei que um dia vou encontrar alguém que me faça sorrir como ele fazia. Alguém que eu ame como o amava. Porque a vida é assim.. Os rapazes vão entrar na nossa vida, como vão sair, até aparecer o certo.
Espero que um dia alguém lhe faça sentir o que eu sinto, espero que apareça alguém que lhe dê tudo o que eu não consegui dar. Alguém que faça despertar nele, tudo o que eu não consegui despertar. E espero que esse alguém goste verdadeiramente dele, e que não o faça sofrer. Amar uma pessoa, é querer ver ela feliz. E eu acima de tudo quero que ele seja feliz, mesmo que seja com outra pessoa. Não vou ficar triste. Mentalizada de que isso um dia vai acontecer já eu estou, e todos os dias acordo já com isso na cabeça, posso chegar ao facebook e saber que ele está numa relação, ai irei felicita-lo e ficar feliz, verdadeiramente, se ele estiver feliz. 

Perguntam-me como penso assim depois de ele me ter feito tanto mal, depois de ele me ter humilhado tanto. Mas a verdade, mesmo que ele me mate por dentro, mesmo que ele fale de mal de mim, diga tudo e mais alguma coisa, eu vou gostar dele, e quem me dera que essas más línguas fizessem isso mudar. Mas não, eu até dos defeitos dele eu gosto. Ele para mim é perfeito, ele para mim parece ser tudo, mas eu sei que não é.. Há mais para além disso, há mais para além dele.
A próxima namorada dele que se prepare, porque mesmo que não queira apaixonar-se, isso vai acontecer, porque ele é tão especial, tão único, que não vai dar para evitar o sentimento.
E eu.. Por muito que diga a ele ou quem quer que seja que já não o amo, que já não penso nele, que é um sentimento minúsculo, é mentira. Mas eu sei que um dia eu vou poder dizer que já não sinto o mesmo, eu sei. Mas eu nunca vou dizer que o esqueci, porque eu nunca, o vou esquecer. 

12 comentários:

Anónimo disse...

Oh Meu Deus !!!
Este foi o texto mais lindo e comovente que alguma vez li !
A sério Sofia eu desejo-te a maior sorte do mundo. E o teu próximo namorado, vai ser o rapaz mais SORTUDO do mundo. És uma rapariga a que qualquer pessoa devia dar muito valor acredita. És espectacular, e só o facto de amares assim alguém mostra que és super romântica, e tens mesmo aquele ar de quem procura o príncipe encantado haha. E sabes que mais? Tu és uma rapariga que merece um príncipe encantado asério !
Muita sorte, muita força. Vou continuar a seguir o teu blog, e a ler os teus textos, espero que o próximo tenha muitas boas noticias. Desejo-te TODA A FELICIDADE DO MUNDO !
Beijinhos linda

Anónimo disse...

C H O R E I ! ÉS UMA MULHER COM 'M' E COM 'U' E COM 'L' E COM 'E' E COM 'R' E COM TUDO GRANDE!

Anónimo disse...

* E COM 'H' ahah
Beijinhos****

Anónimo disse...

Ñ interessa quem sou , mas eu ñ gosto nada de ti . Mas este texto tá perfeito ! É para o Fred né ?
Ele devia ler isto .
Força miuda , desculpa ai qualquer coisinha .

sofia catarina . disse...

Obrigado a todos a sério (:

dii ∞ disse...

amei, estás de parabéns mesmo ! vou seguir o teu blog, escreves perfeitamente

sofia catarina . disse...

Oh obrigado Diana, vou seguir de volta (:

Anónimo disse...

Sabes que te digo ? Estás a ser uma burra ! Já podias estar tão feliz ... Não é correcto usar as pessoas para esquecer outras , mas com o tempo a conviveres com outro , ias esquecendo esse sentimento , ia te ajudar Sofia !
Fogo , deixa de ser tão sentimentalista ... Hoje em dia já ninguém se preocupa se fazem sofrer alguém ou não . Tu andas a viver à base de outras pessoas e não pode ser assim , está na hora de pensares em ti , bem que mereces um pouco da tua atenção .
E mesmo que gostes dessa merda de pessoa , finje que não se passa nada , É UMA VERGONHA GOSTARES DELE ELE É BASICAMENTE UMA VERGONHA PARA TODOS OS RAPAZES ELE NÃO PRESTA .

sofia catarina . disse...

Ele agora pode não ser assim tão lindo por dentro como era. Mas uma pessoa tem momentos em que mostra quem ela é realmente, e esses momentos são vividos só com algumas pessoas. E ele quando estava comigo, era diferente.
Agora não sei, já não sei nada dele. E como as coisas estão desde que acabamos, também não sei se o que ele mostrava ser quando estava comigo não passava de uma das facetas dele, neste momento não sei nada de nada.. Sei que ainda penso nele a toda a hora, sei que ainda o desejo, sei que sou burra, mas não posso fazer mais nada contra este sentimento. O tempo me há-de ajudar.

Anónimo disse...

Olá Sofia! Adorei este e todos os outros textos :) Queria pedir-te se podias escrever uma história no teu tumblr todos os dias, uma parte, criasses a tua história :)Adoro o teu blog continua assim :)

sofia catarina . disse...

Muito obrigada (:
Vou pensar nisso, obrigada pela sugestão (:

Anónimo disse...

ahah esse rapaz que tu gostas é o maior otário de todos os tempos (apesar de gostares dele) ele nem faz ideia do que perde,e olha, não me importava de me casar contigo djii boa mesmo ,força ai :)